PEQUIM - As autoridades chinesas anunciaram neste domingo o sexto caso no ano de gripe aviária humana, que desta vez acometeu um homem do sudoeste do País, atualmente em estado crítico, segundo a agência de notícias Xinhua.

Dos seis infectados este ano pelo vírus H5N1, o causador da doença, quatro morreram. O caso confirmado neste domingo é o de um homem de 29 anos da província de Guizhou e de sobrenome Zhou, que ficou doente em 15 de janeiro, na capital regional, Guiyang.

Nos últimos seis anos, 34 pessoas pegaram gripe aviária na China, da quais 23 morreram. As autoridades da área de saúde entraram em alerta diante do novo surto da doença entre humanos, depois de quase um ano sem nenhum caso ser registrado.

Segundo dados da OMS atualizados neste sábado, desde 2003 a gripe aviária matou 252 das 399 pessoas que ficaram doentes em 15 países, a maioria deles no Sudeste Asiático.

Leia mais sobre: gripe aviária

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.