Chileno disfarça namorada de idosa para tentar roubar poupança da avó

Santiago do Chile, 7 jan (EFE).- Um chileno disfarçou a namorada com as roupas de sua avó para tentar se apoderar do dinheiro que a idosa mantinha em um banco, mas a tentativa foi descoberta e os dois acabaram detidos, informaram hoje fontes policiais.

EFE |

O caso ocorreu no porto de Talcahuano, a 531 quilômetros de Santiago, onde o estudante de engenharia comercial Konrad Scaracci Puccio, de 32 anos, convenceu a namorada, de 21, a usar uma máscara de látex e outros recursos para enganar os funcionários do banco.

Antes, o neto falsificou a carteira de identidade da avó, Silvia Elvira López, que, atualmente, se encontra na Venezuela, e pegou dois documentos que consignavam depósitos no total de 52 milhões de pesos (US$ 82 mil).

No entanto, os trabalhadores do banco, ao verificar os dados da cliente, souberam que Silvia Elvira López estava fora do país e denunciaram a fraude antes que fosse consumada.

Segundo Gaspar Montero, chefe da Brigada de Crimes Financeiros da Polícia de Pesquisas, apesar de a fantasia "ser bastante grosseira", a fraude poderia ter sido bem-sucedida.

Os namorados foram postos à disposição dos tribunais e enfrentam uma pena de até três anos e um dia de prisão, disse aos jornalistas o promotor a cargo do caso, José Orella. EFE ns/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG