Chile treme com réplica de magnitude 7,2 em dia de posse

SANTIAGO (Reuters) - Dois tremores fortes voltaram a sacudir a capital chilena Santiago nesta quinta-feira, segundo testemunhas da Reuters, pouco antes da posse do presidente eleito Sebastián Piñera. O Chile foi atingido por um terremoto de magnitude 8,8 no dia 27 de fevereiro, deixando centenas de mortos.

Reuters |

Segundo o Serviço Geológico dos EUA (USGS, na sigla em inglês), uma das réplicas alcançou magnitude 7,2.

A primeira réplica, que foi sentida com força na capital Santiago e no porto de Valparaíso, onde acontece a posse de Piñera com a presença de diversos chefes de Estado, foi registrada às 11h39.

O tremor seguinte, de força similar, aconteceu 17 minutos depois.

Autoridades não informaram de imediato registros de danos ou vítimas.

(Reportagem de Rodrigo Martínez)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG