Chile registra 3 casos em que a gripe infectou 2 vezes a mesma pessoa

Santiago do Chile, 8 jan (EFE).- O vírus da gripe A infectou duas vezes o mesmo paciente, como comprovou o Centro Clínico da Universidade Católica do Chile, onde foram registrados três casos com estas características.

EFE |

Uma adolescente de 14 anos, uma mulher de 62 e um homem de 38 que já haviam contraído a doença novamente foram contaminados, de acordo com os especialistas Carlos Pérez, Marcela Flores e Jaime Labarca.

Nos três episódios, os doentes receberam tratamento com antiviral, após o contágio pela primeira vez e se recuperaram por completo, mas posteriormente voltaram a contrair o vírus, o que foi comprovado com os exames de PCR (Reação em Cadeia pela Polimerase), uma técnica avançada de biologia molecular.

No caso da adolescente, ela contraiu a doença 20 dias depois de receber alta, já a mulher adulta sentiu os sintomas passados 14 dias e o homem 18 dias mais tarde.

Os casos foram notificados ao Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, que decidiu incluí-los na primeira edição de 2010 da revista especializada "Emerging Infectius Diseases".

Em declarações ao jornal "La Nación", o médico Carlos Pérez, um pelos responsáveis pela pesquisa, disse que os casos de uma nova contaminação por gripe, em qualquer de suas variantes, não são frequentes, por isso que este episódio servirá para os médicos não descartarem uma recaída em pessoas infectadas pelo vírus H1N1.

Esta situação serve de alerta ainda sobre a importância das pessoas que já contraíram a doença serem vacinadas, porque não têm garantida sua imunidade, acrescentou.

Segundo Pérez, estes foram os primeiros casos de recontágio de gripe notificados no mundo e até agora não se sabe a causa dos doentes terem contraído duas vezes a doença.

Integrante do comitê de especialistas convocados pelo Ministério da Saúde para enfrentar à pandemia no ano passado, Pérez destacou a probabilidade de em 2010 a pandemia "não se comportar com a mesma intensidade" registrada no ano passado.

As autoridades de saúde dispõem de 3 milhões de doses da vacina que serão aplicadas gratuitamente a partir de março nos grupos de risco no Chile.

Conforme os últimos números oficiais divulgadas pelo Ministério da Saúde, até 15 de dezembro, foram notificados 367.946 casos de gripe A no Chile, em 2009, dos quais 12.287 foram confirmados e 1.618 foram graves, causando 150 mortes. EFE ns/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG