Santiago do Chile, 27 abr (EFE).- Autoridades chilenas investigam oito casos suspeitos de gripe suína no país, cujo diagnóstico será conhecido nesta terça-feira, informou hoje a subsecretária de Saúde, Jeannete Vega.

Desde a sexta-feira foram descartados cinco casos suspeitos no Chile, onde até o momento não se confirmou a presença da doença, originada no México e que gerou um alerta mundial.

Além disso, o Governo divulgou um "aviso à cidadania" sobre a gripe suína com recomendações como lavar as mãos frequentemente, evitar locais fechados e com alto fluxo de pessoas e usar lenços descartáveis.

A presidente chilena, Michelle Bachelet, pediu nesta segunda-feira que os chilenos permaneçam calmos sobre a situação da gripe suína e afirmou que o sistema sanitário do país está preparado para combater a doença. EFE frf/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.