Chile expressa condolências por morte de presidente polonês

Santiago do Chile, 10 abr (EFE).- O Governo chileno expressou hoje suas condolências à Polônia pela tragédia vivida pelo país após o acidente aéreo no qual morreu o presidente polonês, Lech Kaczynski e diversos funcionários de alto escalão.

EFE |

O ministro do Interior do Chile, Rodrigo Hinzpeter, e o titular de Relações Exteriores, Alfredo Moreno, visitaram hoje a embaixada da Polônia no Chile para expressar seu pesar ao embaixador Ryszard Piasecki.

"Quisemos expressar, por meio do embaixador da Polônia, ao povo polonês e a seu Governo o sentimento do presidente (chileno, Sebastián Piñera) e do Governo frente a esta enorme tragédia", declarou o chanceler chileno.

Moreno também manifestou "o carinho e o sentimento dos chilenos frente à tragédia" ocorrida na Rússia, aonde a delegação polonesa viajava para participar dos atos em memória aos 20 mil poloneses que morreram no massacre na cidade russa de Katyn em 1940.

"O Chile sofreu recentemente uma tragédia muito grande. Sabemos o que é viver um momento como este, com uma perda de vidas dessa magnitude", acrescentou o chanceler, referindo-se ao terremoto de fevereiro que atingiu o centro e o sul do Chile. EFE frf/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG