Chile considera teste norte-coreano ameaça à paz internacional

Santiago do Chile, 25 mai (EFE).- O Governo do Chile se uniu à condenação ao teste nuclear realizado hoje pela Coreia do Norte e afirmou que constitui uma séria ameaça à paz e à segurança internacionais.

EFE |

Através de um comunicado oficial divulgado pela Chancelaria, o Governo chileno expressou a rejeição à decisão do regime de Pyongyang de realizar um teste nuclear subterrâneo, após ter efetuado outro em 2006.

"Este teste de uma arma nuclear representa uma séria ameaça à paz e à segurança internacionais, assim como ao delicado regime de não-proliferação das armas nucleares", afirmou o comunicado.

A nota acrescenta que o Chile observa o teste "como uma transgressão flagrante" da resolução 1718 do Conselho de Segurança das Nações Unidas, e, por isso, o país manifesta sua preocupação com as eventuais consequências que poderia trazer para a estabilidade do nordeste asiático. EFE ns/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG