Chile confirma primeira morte por gripe suína

O Chile confirmou nesta terça-feira a primeira morte provocada por gripe suína: um homem de 37 anos que vivia no sul do país e morreu na madrugada de segunda, por insuficiência respiratória severa, informou o ministro da Saúde, Alvaro Erazo.

AFP |

O diagnóstico, o primeiro caso de falecimento por gripe suína da América do Sul, foi confirmado pelo Instituto de Saúde Pública (ISP), órgão ligado ao ministério da Saúde, assinalou Erazo.

"Na segunda-feira, às 04H15 (05h15 Brasília), ocorreu o falecimento, e hoje foi confirmado que trata-se de um caso de influenza humana", assinalou o ministro.

A vítima, Francisco Vera Maldonado, foi internada no sábado no Hospital de Puerto Montt, 1.000 km ao sul de Santiago.

nr/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG