Chile afirma seguir medidas de prevenção contra gripe

Santiago do Chile, 24 jun (EFE).- O diretor do Serviço Nacional de Turismo, Oscar Santelices, afirmou hoje que o Chile segue todos os protocolos sanitários de prevenção à gripe suína, em reação ao anúncio feito pelas autoridades sanitárias brasileiras que aconselharam o adiamento de viagens ao país.

EFE |

"Quero destacar que o Chile segue os protocolos da Organização Mundial da Saúde (OMS), organismo que recomendou não restringir as viagens", disse Santelices, em comunicado divulgado no site do Serviço Nacional de Turismo.

O Ministério da Saúde brasileiro recomendou ontem que as viagens à Argentina e ao Chile sejam adiadas, destinos de muitos brasileiros nas férias de inverno.

"As estações de esqui mantêm contato com as autoridades sanitárias e têm tudo sob controle, por isso não vejo nenhum risco, nem perigo, para ninguém que venha a nosso país", afirmou Santelices.

A presidente chilena Michelle Bachelet, em visita oficial aos Estados Unidos, lamentou a recomendação e assegurou que a solução à epidemia é trabalhar em conjunto e não fechar as portas de entrada aos países.

A recomendação também despertou a preocupação de empresários chilenos, ligados ao turismo, que temem que o anúncio prejudique a chegada de visitantes do Brasil.

"O principal mercado da maioria dos hotéis de inverno são os brasileiros e isso nos preocupa muito", afirmou Michael Purcell, gerente geral da estação de esqui de Portillo. EFE gs/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG