Chegada de imigrantes por mar à Espanha caiu em 5 mil este ano

MADRI - O presidente do Governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, destacou hoje a redução este ano da chegada de imigrantes ilegais por mar, que representou uma queda de 5 mil a respeito de 2007.

EFE |


Também ressaltou que, nos Centros de Internamento de Estrangeiros, "há 180 pessoas, quando, em momentos mais difíceis, em 2006, chegamos a ter mais de 10 mil pessoas".

Zapatero revelou estes números durante um comparecimento diante da imprensa para fazer balanço do ano.

Considerou que "a luta do Governo contra a imigração ilegal está dando resultados", mas alertou que "não se deve descer a guarda em nenhum momento".

Chegaram ao litoral espanhol, principalmente às Ilhas Canárias, situadas no Oceano Atlântico, milhares de pessoas nos nos últimos anos, a bordo de precárias embarcações procedentes, principalmente, dos países do norte da África.

Muitas dessas pessoas, principalmente jovens africanos em busca do sonho europeu, morrem na perigosa travessia.

A grande maioria dos imigrantes na Espanha chegou de avião da América Latina, ou pela estrada, de países do Leste Europeu.

    Leia tudo sobre: espanhaimigrantes ilegaisimigração

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG