Uma menina ferida no incêndio de uma creche da cidade mexicana de Hermosillo morreu na noite de domingo, depois de passar 17 dias hospitalizada, o que elevou a 47 o número de crianças falecidas na tragédia.

O incêndio matou 47 crianças com menos de quatro anos e deixou 30 feridas, algumas delas ainda internadas.

O governo federal anunciou que vai processar funcionários do estado de Sonora e os donos da creche, pelo não cumprimento das normas de segurança.

lp/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.