Chega a 11 o número de mortos por chuvas em Honduras

Tegucigalpa, 20 out (EFE).- Pelo menos 11 pessoas morreram em Honduras desde a semana passada -cinco delas hoje-, por causa das chuvas que castigam o país, informou o titular da Comissão Permanente de Contingências (Copeco), Marco Burgos.

EFE |

As cinco mortes de hoje -dois adultos e três crianças- ocorreram em um bairro pobre da capital Tegucigalpa, onde um muro desabou sobre uma casa, informou o comandante do Corpo de Bombeiros, Carlos Cordero.

As outras seis mortes aconteceram na semana passada em diferentes locais do país.

Segundo a Copeco, pelo menos 121 mil pessoas ficaram desabrigadas pelas inundações.

Os rios Humuya, no estado central de Comayagua, e o Ulúa, no norte, causaram danos nas estradas que ligam Tegucigalpa a San Pedro Sula, interrompendo por horas a ligação entre a capital e a segunda maior cidade do país.

A intensidade das chuvas -que também destruíram inúmeras plantações- diminuiu hoje, mas o mau tempo prosseguirá por, pelo menos, mais 72 horas, informou a Aeronáutica Civil em Tegucigalpa.

EFE gr/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG