Chefe da Opep diz que cartel não pode frear petróleo

O secretário-geral da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo), Abdullah Al Badri, disse nesta quinta-feira que o cartel não pode fazer nada para diminuir a cotação do barril de petróleo no mercado mundial. O barril do tipo leve foi negociado nesta quinta-feira em Nova York a mais de US$ 135, atingindo um novo recorde.

BBC Brasil |

"Hoje, estamos certos de que esse preço não tem nada a ver com demanda", disse Badri, salientando que os membros da Opep estão insatisfeitos com a alta do produto.

"Há muito petróleo no mercado, não há nenhuma escassez e os estoques estão cheios, estão num nível confortável. O problema são os especuladores."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG