Chefe da máfia russa é detido em Berlim, afirmam semanários

Berlim, 21 jun (EFE).- A Polícia alemã deteve em Berlim o número dois da máfia russa, cujo principal líder, Alexander Malyshev, foi preso esta semana na Espanha.

EFE |

Segundo revelam os semanários alemães "Focus" e "Der Spiegel", o detido, que atende pelo nome de Mikhail R., tem 55 anos e é natural de São Petersburgo.

O detido teve a prisão pedida pela Audiência Nacional espanhola, e é acusado de ser membro de uma organização criminosa e de lavagem de dinheiro.

A detenção aconteceu após uma operação da Polícia alemã contra o grupo Tambovskaya Malyshevskaya, cuja cúpula se reuniu em Berlim recentemente para participar da festa de aniversário do mafioso agora capturado, à qual compareceu Alexander Malyshev.

Mikhail compartilhava os negócios com Malyshev, mas cumpria as suas ordens e ocupava o segundo lugar na hierarquia do grupo.

A "Der Spiegel" assegura que Mikhail R. esteve ligado durante os anos 80 com o tráfico de dólares falsos, e que um tribunal berlinense será o encarregado de decidir se será extraditado à Espanha.

O mafioso capturado em Berlim administrava até um ano atrás um restaurante na capital alemã, e era o responsável por dirigir os negócios do Tambovskaya Malyshevskaya no país. EFE jcb/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG