Chefe da inteligência americano diz que Estado mexicano não está falido

O México não corre o risco de se tornar um Estado falido em consequência do narcotráfico, afirmou nesta quinta-feira o diretor da inteligência dos Estados Unidos, Dennis Blair.

AFP |

"O México não corre o risco de se transformar num Estado falido", declarou, durante uma entrevista coletiva em McLean, na Virgínia, perto de Washington.

Seus comentários coincidem com a visita da secretária de Estado americana, Hillary Clinton, ao México. Ela manifestou seu apoio ao país vizinho na luta contra os cartéis do tráfico de drogas.

A viagem de Clinton precede a do presidente americano, Barack Obama, que deve se reunir com seu par mexicano, Felipe Calderón, dentro de um mês.

dab/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG