Chávez vence em maioria dos Estados, oposição em áreas populosas

Por Saul Hudson CARACAS (Reuters) - O partido do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, ganhou as eleições na maioria dos Estados no domingo, mas a oposição obteve grandes centros de poder, o que pode diminuir o domínio do presidente sobre o país.

Reuters |

Os aliados socialistas de Chávez ganharam em 17 dos 20 Estados, apesar das reclamações de que o governo fez pouco para conter o alto número de assassinatos e a maior inflação da América Latina.

Em dois Estados, a autoridade eleitoral informou que ainda não podia apontar um vencedor, mas a oposição declarava vitória apertada baseada em dados locais.

A oposição manteve os dois Estados ganhos nas últimas eleições regionais, há quatro anos, e derrotou o governo na área metropolitana de Caracas, que é densamente povoada, além de obter a prefeitura da capital.

Os resultados das eleições de domingo geraram uma batalha de relações públicas com governistas e oposicionistas tentando ganhar fôlego político e convencer os venezuelanos de que foram os vencedores do pleito, que contou com 65 por cento de comparecimento.

O veredito das urnas também deve determinar se Chávez terá o apoio necessário para concretizar seus objetivos de reeleição.

Chávez, que fez uma campanha frenética dizendo que seu futuro politico estava em jogo, declarou vitória. Enquanto seu partido diz que o mapa político é predominantemente vermelho e os socialistas ganharam 1,5 milhão de votos a mais, a oposição afirma que agora governa as áreas mais populosas do país, regiões-chave em eleições futuras.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG