Chávez terá encontro com Lula no Hospital Sírio-Libanês, diz jornalista

Aumentam rumores sobre tratamento do câncer de Chávez no Brasil; médico do Sírio diz que informações não passam de boatos

iG São Paulo |

O jornalista venezuelano de oposição Nelson Bocaranda anunciou em seu Twitter nesta sexta-feira que o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, se reunirá com Luiz Inácio Lula da Silva neste fim de semana.

Segredo de Estado: Câncer de Chávez mergulha Venezuela em incerteza

Em sua página no microblog, o jornalista, que no ano passado foi o primeiro a anunciar o tratamento do câncer de Chávez, contou que "já partiu para São Paulo" um avião do governo para preparar a chegada do mandatário "ao HSLSP [Hospital Sírio-Libanês] e ao hotel".

AP
Chávez em missa em Barinas, depois de voltar de sessão de radioterapia em Cuba (5/4)
Ele disse ainda que a "presidente Dilma Rousseff visitará seu colega venezuelano em São Paulo após o encontro dele com Lula no HSLSP, no fim de semana".

As especulações de uma viagem de Chávez a São Paulo aumentaram nas últimas horas, assim como os boatos sobre seu estado de saúde.

O Ministério das Relações Exteriores da Venezuela havia informado nessa semana que o mandatário pretendia viajar "em breve" ao Brasil para se reunir com Dilma e avaliar a "política regional".

A visita de chefe de Estado, no entanto, suscitou rumores sobre se Chávez aceitaria ou não o convite de autoridades brasileiras para se tratar no Brasil. O líder venezuelano vem fazendo tratamento contra o câncer em Cuba, onde foi submetido a cirurgias e sessões de radioterapia.

Roberto Kalil Filho, cardiologista do Hospital Sírio-Libanês, disse que as informações sobre o tratamento de Chávez no Brasil não passam de boatos. "Não tenho ideia de onde surgiu essa informação. Deve ser porque o presidente Lula comentou alguma coisa sobre o Chávez com alguém", disse ao iG . "Se ele vier, vai ser surpresa".

Em comunicado, o Ministério das Relações Exteriores da Venezuela divulgou parte da conversa entre Lula e Chávez na terça-feira, dia 3. Segundo o texto, Chávez conversou ao telefone com Lula sobre os "avanços estão tendo em seus respectivos processos de restituição de saúde". "O presidente Chávez manifestou a seu irmão Lula que o tratamento anda muito bem, assim como a situação política e econômica da Venezuela", explicou o ministério.

Cuba

Chávez retornou para a Venezuela depois de uma nova sessão de radioterapia em Cuba na quarta-feira.

O líder socialista de 57 anos hávez já passou por três cirurgias e por quimioterapia para combater um tumor pélvico de natureza não revelada. Agora, ele faz radioterapia. O presidente afirmou que a segunda sessão de tratamento correu bem e que os resultados dos exames foram positivos. A expectativa é de que ele regresse em breve a Cuba para a terceira sessão.

Entrevista ao iG: Favorito da oposição da Venezuela se inspira em Lula contra Chávez

Nesse vaivém entre Havana e Caracas, Chávez mantém uma espécie de campanha eleitoral "virtual" via Twitter e TV estatal. Enquanto isso, seu adversário eleitoral Henrique Capriles percorre o país.

No poder há 13 anos, Chávez lidera a mais recente pesquisa eleitoral por 13 pontos percentuais, mas muitos venezuelanos continuam indecisos para a eleição de 7 de outubro.

*Com Ansa

    Leia tudo sobre: chávezvenezuelachavismoeleiçõescâncercubasão paulobrasil

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG