Caracas, 12 nov (EFE) - O presidente venezuelano, Hugo Chávez, se comprometeu hoje a respeitar os resultados das eleições regionais e municipais de 23 de novembro e pediu aos candidatos e partidos da oposição que façam o mesmo.

"Se em algum estado do país a oposição vencer, eu seria o primeiro a reconhecer isso, mas peço o mesmo aos partidos políticos e candidatos de todas as tendências que reconheçam o resultado das eleições, que demonstrem espírito democrático", disse Chávez.

Em um ato eleitoral realizado no estado de Cojedes, no centro da Venezuela, o líder advertiu de que há setores da oposição que estão elaborando um plano para alegar "fraude" caso sejam derrotados nas urnas.

"É preciso se preparar para qualquer cenário, porque alguns da oposição andam desesperados dizendo que pretendemos cometer fraude", afirmou.

"Como sabem que vão perder já andam cantando fraude, para depois desconhecer o triunfo revolucionário e tratar de gerar violência", destacou o governante venezuelano.

Chávez, presidente do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), advertiu de que aqueles que recorrerem a esse plano se arrependerão, porque seus seguidores "estão dispostos a tudo".

Em 23 de novembro, 17 milhões de venezuelanos poderão escolher 22 governadores e 328 prefeitos, além de 233 legisladores regionais, para um total de 603 cargos de representação popular. EFE rr/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.