Chávez repete Lula e propõe reunião da Unasul com Obama

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, propôs nesta terça-feira uma reunião entre os líderes da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, sobre o acordo militar entre Colômbia e EUA, repetindo a proposta feita na véspera por Luiz Inácio Lula da Silva.

AFP |

"A Cúpula das Nações Unidas seria uma oportunidade para uma reunião, em Nova York, com Obama", no próximo mês de setembro, assinalou Chávez.

Chávez admitiu que a mesma proposta foi feita por Lula na véspera, durante a reunião da Unasul em Quito, mas destacou que a Cúpula da ONU seria a oportunidade certa para "encontrar Obama em Nova York".

Na segunda-feira, os países moderados da América do Sul também acataram a proposta de Lula para realizar uma reunião presidencial da Unasul visando analisar o acordo militar entre Estados Unidos e Colômbia.

A questão será discutida, possivelmente, ainda este mês, em Buenos Aires.

Já a proposta de Chávez, de incluir na declaração final da Cúpula em Quito uma rejeição à presença de tropas americanas na Colômbia, foi descartada pelo grupo.

Ao insistir na proposta, Chávez alertou sobre "os ventos da guerra" que sopram na região com o uso das bases colombianas por forças americanas.

Segundo Bogotá, o acordo não prevê a instalação de bases militares estrangeiras na Colômbia, apenas a "permissão para um acesso limitado" das tropas americanas "para atividades contra o narcotráfico e o terrorismo".

sp/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG