show midiático - Mundo - iG" /

Chávez renuncia à ação judicial sobre sua filha para evitar show midiático

Caracas, 11 mai (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, renunciou hoje à ação judicial que tinha empreendido para poder ver a minha filha Rosinés por causa do que considerou um show midiático montado em torno desta iniciativa de caráter familiar.

EFE |

"Perante o 'show' que está sendo montado decidi desistir da minha solicitação. Não vou permitir que minha filha faça parte de um 'show'. Em breve verei, já que é menor de idade, como faço para vê-la", disse Chávez em seu programa dominical "Alô Presidente!".

Rosinés, que atualmente tem 11 anos, é filha de Chávez e Marisabel Rodríguez, de quem se divorciou em 2003.

Desde que veio a público a iniciativa do presidente a imprensa, especialmente a ligada à oposição, divulgou amplamente o problema com longas declarações da ex-mulher do governante.

Chávez chamou de "hienas" os produtores destes programas cuja finalidade, disse, é a de "montar uma telenovela" com sua filha.

A ação judicial empreendida por Chávez foi considerada por Rodríguez como um ato de "violência, perseguição e fustigação".

O presidente explicou que optou pelo caminho judicial após sua ex-mulher não permitir que ele visse Rosinés.

Rodríguez considerou que o modo com que Chávez lidou com o problema é uma forma de "intimidação" e advertiu que isto a tornava alvo de um possível ataque.

"A qualquer momento posso ser atacada por qualquer uma dessas hordas que ele tem na rua. Declaro-me vítima de violência, fustigação e perseguição por parte do presidente", disse ela.

Chávez explicou que tomou a decisão de desistir da ação judicial após pensar muito na passagem da Bíblia na qual o rei Salomão resolve o problema de duas mulheres que disputavam a maternidade de uma criança.

O presidente afirmou que assim como a mãe verdadeira esteve disposta a deixar a criança nas mãos da outra mulher para preservar sua vida, ele está disposto "ao máximo sacrifício" para preservar a vida de sua filha. EFE rr/bm/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG