Chávez rebate críticas de secretário da OEA

Caracas, 17 out (EFE) - O presidente venezuelano, Hugo Chávez, chamou hoje de irresponsável e campeão do pitiianquismo o secretário de Assuntos Políticos da Organização dos Estados Americanos (OEA), Dante Caputo. Chávez respondia, assim, a críticas do funcionário contra a política de rearmamento e aproximação ao Irã e à Rússia de alguns países da região. Em um ato oficial transmitido em cadeia nacional obrigatória de rádio e televisão, o presidente leu afirmações, as quais atribuiu a Caputo, nas quais este disse que a América Latina parece voltada a um processo de rearmamento que é realmente muito perigoso para a região. Segundo Chávez, o funcionário da OEA se referiu ainda à política irresponsável de alguns nações da região de se aproximar ao Irã e à Rússia, e inclusive planejar exercícios militares com essas nações. Como isto é conosco, embora não tenha se atrevido a nos nomear, chamo atenção (de Caputo) como chefe do Estado: ele é irresponsável com estas declarações. Claro, ele é um pitiianque, declarou Chávez, no marco de entrega de recursos a conselhos comunais.

EFE |

O governante venezuelano criticou que Caputo, um ex-ministro argentino, "não ache perigoso que a IV Frota (dos Estados Unidos) esteja navegando pelo Caribe".

Ele qualificou de "impressionante o cinismo de personagens" como o atual secretário de Assuntos Políticos da OEA, que, disse, "era ministro quando a Argentina estava envolvida com o Fundo Monetário Internacional (FMI)". EFE gf/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG