O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, pediu neste domingo ao novo líder da guerrilha colombiana das Farc, Alfonso Cano, que liberte sem impor condições todos os reféns em poder do grupo.

"Acho que chegou a hora das Farc libertarem todos os (seqüestrados) que mantêm na montanha a troco de nada. Seria um grande gesto humanitário", afirmou Chávez no "Alô Presidente", seu programa dominical de rádio e TV.

O presidente venezuelano disse ainda que "a essa altura na América Latina, está fora de ordem um movimento guerrilheiro armado e isso deve ser dito às Farc".

pt/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.