digna atitude de Insulza diante de congressistas dos EUA - Mundo - iG" /

Chávez elogia digna atitude de Insulza diante de congressistas dos EUA

Caracas, 12 abr (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, parabenizou hoje o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), José Miguel Insulza, pela digna atitude que manteve diante de legisladores americanos.

EFE |

Os congressistas dos EUA teriam feito pressão para que Insulza confirmasse a existência de ligações entre a Venezuela e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Chávez disse que essa atitude "irracional" dos legisladores dos EUA, assim como a recente denúncia americana no Parlamento Europeu de que a Venezuela facilitaria o tráfico de drogas das Farc, fazem parte do "ataque por todos lados" de Washington contra seu Governo "revolucionário".

"É o império tentando isolar a Venezuela", disse Chávez, durante um desfile cívico-militar em Caracas pelos dos seis anos do golpe de Estado que afastou o atual presidente de seu cargo por 48 horas.

Sobre a interpelação de Insulza na quinta-feira passada diante da Subcomissão para o Hemisfério Ocidental da Câmara de Representantes americana, Chávez disse que ficou "boquiaberto" ao ver a "prepotência" e "irracionalidade" dos legisladores ao falar dos supostos vínculos entre Venezuela e a guerrilha colombiana.

Durante seu comparecimento, o secretário-geral da OEA destacou que "não há provas" de que Chávez apóie o terrorismo, como afirmou categoricamente o representante republicano Connie Mack.

"Quero saudar o secretário-geral da OEA por sua digna atitude diante da pretensão destes irracionais, destes senadores americanos que se acham a corte celestial", disse Chávez, em meio aos aplausos de seus simpatizantes. EFE gf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG