paciência apesar de ataques de Obama e McCain - Mundo - iG" /

Chávez diz que terá paciência apesar de ataques de Obama e McCain

Caracas, 19 set (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse hoje que terá paciência apesar dos ataques gratuitos que, segundo sua opinião, tem sofrido dos candidatos presidenciais americanos, o democrata Barack Obama e o republicano John McCain.

EFE |

"Agora estão em campanha eleitoral (nos Estados Unidos). Andam buscando votos, e como se atacar Chávez pudesse render votos a eles (...) Estamos aqui cheios de paciência e tolerância diante dos ataques gratuitos dos dois candidatos", declarou Chávez, em ato oficial transmitido em rede nacional obrigatória de rádio e TV.

Chávez afirmou que sua mensagem tinha como destinatários "os dois candidatos que já começaram a disparar contra nós", em referência a Obama e McCain, após assegurar que "o único que nós (o Governo da Venezuela) queremos é que nos respeitem".

"Eu não respondo a candidatos. Com aquele que chegar ao posto de presidente nos entenderemos, ou trataremos de nos entender", reiterou o chefe de Estado, durante cerimônia de criação de várias empresas mistas para explorar gás no leste da Venezuela, com participação de Catar, Japão, Malásia, EUA e Itália.

Chávez fez as afirmações horas depois da divulgação, na TV americana, do mais recente anúncio de campanha de McCain, no qual Obama é atacado com a utilização de imagens do presidente venezuelano.

O vídeo começa com declarações de Chávez feitas há uma semana. Na ocasião, o líder venezuelano comunicava sua decisão de expulsar o embaixador dos EUA na Venezuela, Patrick Duddy. McCain aproveita as imagens para criticar a decisão do democrata Obama de reunir-se com líderes estrangeiros "incondicionalmente".

"Vão para o c... ianques de m...", diz Chávez, enquanto o narrador ressalta que Obama disse que se reuniria com ele "em seu primeiro ano de Governo". EFE mmm/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG