Chávez diz que foi convidado à cúpula africana na Líbia

Caracas, 25 ago (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, anunciou hoje que foi convidado a participar da cúpula africana em 1º de setembro na Líbia, por ocasião dos 40 anos da revolução líbia, mas não confirmou sua presença.

EFE |

"Fui convidado à cúpula africana do próximo 1º de setembro, em Trípoli", afirmou Chávez, durante a comemoração do terceiro aniversário de um centro assistencial infantil em Caracas.

"Vão todos os presidentes da África a uma reunião extraordinária para comemorar os 40 anos do início da revolução líbia", acrescentou.

Chávez elogiou a figura de Muammar Kadafi por seus "40 anos à frente da revolução líbia", durante os quais, disse, foi alvo de atentados por parte dos Estados Unidos, porque não quis se submeter ao "império".

No início de setembro, o líder venezuelano deve iniciar uma viagem que o levaria a Belarus, Líbia, Irã, Rússia e Síria, sem que, até o momento, as datas tenham sido confirmadas pelo Governo venezuelano. EFE afs/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG