pretexto para uma agressão - Mundo - iG" /

Chávez diz que Colômbia busca pretexto para uma agressão

Caracas, 19 dez (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse hoje que as afirmações de porta-vozes colombianos sobre a suposta presença de um chefe das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) na Venezuela buscam um pretexto para uma agressão.

EFE |

"Estão buscando o pretexto para uma agressão contra a Venezuela", disse Chávez ao comentar as declarações do governador do departamento colombiano de Arauca, Luis Ataya. Segundo essas declarações, o chefe das Farc, Germán Briceño Suárez, conhecido como "Grannobles", residiria na cidade venezuelana de Elorza.

"Sem ter provas, eles dizem que em Elorza vive comodamente um chefe guerrilheiro colombiano", expressou o presidente na emissora estatal "Venezolana de Televisión".

"Estão loucos para invadir a Venezuela. Não pense nisso, senhor presidente da Colômbia, não vá cometer esse erro. Respeitem a soberania da Venezuela", advertiu Chávez.

As denúncias de que guerrilheiros colombianos penetram na Venezuela são recorrentes por parte de porta-vozes de Bogotá, mas são negadas pelas autoridades venezuelanas. EFE rr/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG