Chávez critica Obama por comentários sobre a Venezuela

Caracas, 17 jan (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, lamentou hoje que o próximo governante americano, Barack Obama, tenha feito declarações que caracterizam uma ingerência nos assuntos internos da Venezuela.

EFE |

"Há três dias, (Obama) disse que sou um obstáculo para o progresso da América Latina e que a Venezuela exporta o terrorismo, ou algo assim, e olha que ele ainda nem assumiu", disse Chávez.

"Quando diz isso, o que está falando é que é preciso tirar Chávez do poder, porque quando alguém encontra um obstáculo, o que se deve fazer é tirá-lo do caminho", acrescentou.

"Parece que (Obama) vai ser um novo fiasco para seu povo e para o mundo. Tomara que eu esteja errado, mas parece que ele será mais do mesmo", considerou, Chávez também disse que o democrata "não tem papas na língua" quando perguntado sobre a Venezuela, "mas quando lhe perguntam sobre o massacre das crianças em Gaza não responde, fica calado". EFE rr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG