Caracas, 4 ago (EFE).- A dirigente governista Lina Ron, que liderou o ataque armado realizado nesta segunda-feira contra a emissora de oposição Globovisión, se entregou às autoridades e se encontra detida, informou hoje o presidente venezuelano, Hugo Chávez.

"Ela (Ron) se apresentou e está detida", afirmou o governante venezuelano, em um ato oficial transmitido em rede nacional obrigatória de rádio e televisão. EFE gf/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.