Chávez chega a Trinidad e reafirma que não firmará declaração da Cúpula das Américas

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, reiterou nesta sexta-feira, ao chegar a Trinidad e Tobago, que a decisão de cinco países de não assinar a declaração final da Cúpula das Américas é soberana e se inscreve na batalha que travam estas nações.

AFP |

"A decisão (de não assinar a declaração) é soberana, e se inscreve na batalha que estamos travando na Alternativa Bolivariana para as Américas (Alba)", declarou Chávez ao desembarcar em Port of Spain.

Em reunião da Alba realizada na Venezuela, os dirigentes do grupo qualificaram nesta sexta-feira o projeto de declaração final da Cúpula das Américas de "inaceitável", e avisaram que não assinarão o documento.

A decisão de não firmar a declaração foi adotada por Nicarágua, Venezuela, Bolívia, Honduras e República Dominicana.

bl/yw/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG