Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Chávez apóia mudanças ordenadas por Rafael Correa nas Forças Armadas

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, expressou nesta quinta-feira apoio ao colega do Equador, Rafael Correa, que renovou a cúpula da Forças Armadas deste país depois de denunciar a infiltração da CIA no setor.

AFP |

"Apoiamos o digno presidente equatoriano Rafael Correa. Ele denunciou algo que já aconteceu aqui" na Venezuela, afirmou Chávez durante um ato público organizado para recordar a morte do revolucionário mexicano Emiliano Zapata.

"Militares venezuelanos se reuniam com os embaixador dos Estados Unidos", lembrou Chávez, referindo-se a um episódio sucedido em 2005, quando decidiu suspender um acordo existente entre a Venezuela a Agência Antidrogas americana (DEA).

"Os militares equatorianos passavam informações a seus colegas colombianos e americanos, inclusive no caso da operação contra o acampamento que provocou a morte de um grupo de cidadãos", declarou o presidente venezuelano, em referência à ação do Exército colombiano contra a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) em território equatoriano.

"Ninguém tem o direito de chantagear um presidente eleito pela maioria, não por um acordo de elites", sentenciou Chávez.

A incursão colombiana, durante a qual morreuo número dois das Farc, Raúl Reyes, provocou uma crise diplomática entre Equador e Colômbia.

nn/yw/sd

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG