Chávez adverte que se embaixador em Honduras for agredido agirá militarmente

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, advertiu neste domingo que se o embaixador em Honduras for agredido ou a embaixada tomada teríamos que agir, inclusive militarmente.

AFP |

Chávez falou sobre o assunto em entrevista ao canal estatal VTV, depois do afastamento do poder do presidente hondurenho Manuel Zelaya.

"Não podemos ceder aos gorilas", acrescentou.

nn/cd/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG