acabou submissão aos EUA - Mundo - iG" /

Chanceler venezuelano diz que acabou submissão aos EUA

Caracas, 9 jul (EFE) - O ministro das Relações Exteriores venezuelano, Nicolás Maduro, afirmou hoje que a época de submissão aos interesses americanos acabou e reiterou que a vontade política da Venezuela é dialogar em relações de igualdade, qualquer seja o Governo dos Estados Unidos. Mudou a região, e as relações de poder que se estabeleceram nos últimos 60 anos, de subordinação da elite nacional e das oligarquias que governavam nossos países, disse Maduro ao deixar uma conferência na Convenção Interamericana contra a Violência, em Caracas. Sobre as próximas eleições nos EUA, Maduro disse que há uma mensagem muito clara do presidente Hugo Chávez, de que qualquer for o Governo que chegar à casa Branca (...

EFE |

) à elite americana não resta outra opção além de dialogar em termos de respeito com a região inteira, a América Latina e o Caribe".

Além disso, o chanceler acusou os Estados Unidos de violar "de forma descarada a legalidade internacional, o princípio de não ingerência nos assuntos internos e conspirar abertamente para derrubar Governos democráticos, como a participação no golpe de Estado da Venezuela em 2002".

"Nossos países são soberanos com projetos próprios e temos a capacidade para conversar, nos entender e desenvolver relações recíprocas de respeito e de igualdade", afirmou o chanceler venezuelano. EFE afs/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG