Chanceler israelense vai aos EUA negociar acordo sobre Gaza

JERUSALÉM - Israel disse nesta quinta-feira que a ministra do Exterior, Tzipi Livni, deve viajar para Washington e finalizar o acordo designado para impedir o Hamas de se rearmar, uma importante condição israelense para um cessar-fogo na Faixa de Gaza.

Reuters |

"O primeiro-ministro Ehud Olmert autorizou esta noite a viagem da ministra Tzipi Livni aos Estados Unidos para elaborar um acordo entre os EUA e Israel com a intenção de negociar o contrabando de armas", disse o gabinete de Olmert em nota.

O comunicado não fez menção à proposta do Hamas, mediada pelo Egito, de um cessar-fogo por um ano na Faixa de Gaza. Um porta-voz de Olmert também se negou a comentar qualquer proposta de cessar-fogo.

O Hamas disse ao Egito que concordaria com uma trégua de um ano se Israel retirasse todas as suas tropas de Gaza em uma semana e reabrisse a fronteira imediatamente, afirmaram representantes do Hamas e fontes diplomáticas.

    Leia tudo sobre: gaza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG