Chanceler israelense pede que relações com Brasil sejam fortalecidas

São Paulo, 21 jul (EFE).- O ministro de Relações Exteriores de Israel, Avigdor Lieberman, pediu hoje a empresários brasileiros e israelenses que fortaleçam as relações comerciais entre os dois países, no início de uma viagem por quatro nações sul-americanas, que começou em São Paulo.

EFE |

Lieberman abriu um seminário na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), no qual participaram representantes de companhias dos dois países, entre eles os integrantes de uma delegação que acompanha ao ministro.

A imprensa foi proibida de entrar no evento, devido às estritas medidas de segurança que rodeiam a visita do chanceler israelense.

Segundo os empresários brasileiros que participaram do encontro, Lieberman pediu aos dois países que aprofundem as relações comerciais e que estimulem acordos como o assinado entre Israel e o Mercosul, bloco formado pelo Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai.

Lieberman encontrou com o governador do estado de São Paulo, José Serra, depois do seminário.

O chanceler será recebido na quarta-feira em Brasília, pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e pelo ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, que já fez três visitas a Israel.

Durante a visita ao Brasil, Lieberman assinará um acordo na área de serviços aéreos com Amorim, informou o Ministério das Relações Exteriores.

Depois do Brasil, Lieberman viajará para a Argentina, Peru e Colômbia, para estreitar os laços políticos e comerciais com esses países. EFE wgm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG