Chanceler francês pede fim dos combates à Rússia e Geórgia

O chanceler francês, Bernard Kouchner, cujo país exerce a presidência rotativa da União Européia, fez um apelo, neste sábado, aos governos de Rússia e Geórgia pelo fim do conflito na região separatista georgiana da Ossétia do Sul, em uma entrevista à emissora da televisão France 2.

AFP |

"Tem de parar. É uma guerra terrível, brutal e temível por um assunto microscópico", disse Kouchner, que viajará a ambos os países para propor um plano de saída para a crise.

Kouchner pediu a Moscou que detenha os "bombardeios sobre a população civil" e exigiu que as tropas russas "voltem para sua base de origem, do outro lado da fronteira".

Do outro lado, a Geórgia "tem de voltar às posições anteriores", acrescentou o ministro.

Mais cedo a presidência francesa da UE havia anunciado uma reunião de ministros das Relações Exteriores do bloco, "no início da próxima semana", para tentar solucionar o conflito entre Rússia e Geórgia.

    Leia tudo sobre: georgia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG