Chanceler francês pede cessar-fogo entre Rússia e Geórgia

Paris, 9 ago (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores da França, Bernard Kouchner, pediu hoje a Rússia e Geórgia que cessem o conflito na Ossétia do Sul, depois que de o Governo francês anunciar que viajará à região o mais rápido possível para negociar a paz.

EFE |

Em entrevista à rede de televisão "France 2", Kouchner qualificou de "guerra terrível, brutal" o conflito entre os dois países e pediu a Moscou a cessação dos "bombardeios sobre a população civil" e o retorno das tropas russas "para o outro lado da fronteira".

Além disso, o chanceler afirmou que os soldados georgianos devem "voltar a suas posições anteriores", em consonância com o plano de cessar-fogo que o presidente francês, Nicolas Sarkozy, propôs pouco antes à comunidade internacional.

No plano, Sarkozy anunciou uma visita de Kouchner à região "o mais rápido possível", embora não precisou a data da viagem.

O Governo francês informou também sobre uma reunião extraordinária dos chanceleres da UE no início da próxima semana.

EFE jaf/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG