Chanceler francês conversa sobre reféns das Farc com presidente do Equador

O chanceler francês, Bernard Kouchner, conversou nesta terça-feira, em Quito, com o presidente do Equador, Rafael Correa, sobre o caso dos reféns em poder das Farc, disseram funcionários da embaixada francesa à AFP.

AFP |

A viagem de Kouchner começou em Bogotá e termina amanhã, em Caracas.

Kouchner e Correa avaliaram, a portas fechadas, a situação dos seqüestrados em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), entre eles a política de origem franco-colombiana Ingrid Betancourt, acrescentaram as fontes da embaixada.

O encontro no palácio de Governo em Quito durou quase uma hora. Também participou da reunião o diretor para América do Ministério das Relações Exteriores francês, Daniel Parfait.

A conversa com Correa encerrou a visita relâmpago de Kouchner a Quito.

O chanceler viaja hoje à noite para Caracas, onde se reunirá com o presidente venezuelano, Hugo Chávez.

O chanceler francês já havia se reunido, reservadamente, com sua colega equatoriana, María Isabel Salvador, e com os ministros de Governo (Interior), Fernando Bustamante, e de Segurança Interna e Externa, Gustavo Larrea.

vel/tt/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG