Chanceler espanhol visita Afeganistão para reunião com tropas

Espanha possui mais de mil soldados no país

EFE |

O ministro de Assuntos Exteriores da Espanha, Miguel Ángel Moratinos, chegou neste domingo ao Afeganistão para visitar as tropas da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) no país e para se reunir com o general David Petraeus, comandante das forças.

Moratinos também se reunirá em Cabul com o presidente afegão, Hamid Karzai, para expressar o compromisso da Espanha com a estabilidade e a reconstrução do Afeganistão em sua luta contra os talibãs e os membros da rede terrorista Al Qaeda. O chefe da diplomacia espanhola tomou café da manhã com as tropas na base militar de Qala i Naw e manteve um encontro com os comandantes militares, após cumprimentar os soldados.

A Espanha tem atualmente 1,3 mil soldados mobilizados na missão da Força Internacional de Assistência para Segurança (Isaf). Em declarações aos jornalistas, Moratinos assegurou que a Espanha manterá o apoio civil, militar e de cooperação para contribuir ao êxito da estratégia de cessão paulatina do controle do país às autoridades locais.

"Não estamos ainda em nenhuma estratégia de retirada. Estamos em uma estratégia de transição, de 'afeganização' e, portanto, de compromisso", declarou o chanceler. Ele completará sua agenda na segunda-feira em Cabul com reuniões com outros membros do Governo afegão.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG