Chanceler diz que Israel está pronto para diálogo com palestinos

Lima, 27 jul (EFE).- O chanceler de Israel, Avigdor Lieberman, disse hoje em Lima que seu Governo está pronto para iniciar imediatamente as conversas de paz com os palestinos, e pediu sanções drásticas para evitar que o Irã se torne uma potência nuclear.

EFE |

"Estamos prontos para as conversas de paz imediatamente, inclusive hoje mesmo. Dissemos muitas vezes que estamos prontos para um diálogo incondicional", disse Lieberman à imprensa, após participar de um ato em Lima.

Segundo o ministro, quem deve tomar a decisão são os palestinos, não Israel. O chanceler iniciou ontem uma visita oficial ao Peru, como parte de uma viagem pela América do Sul.

Sobre o Irã, Liberman disse que se esse país chegar a se transformar em uma potência nuclear, será "a maior ameaça não só para Israel, mas para o mundo inteiro".Os serviços de inteligência de Israel acreditam que o Irã terá uma bomba nuclear entre 2009 e 2012, enquanto os americanos estimam que isso só acontecerá em 2013.

"Se esse regime optar pelo poder nuclear se transformaria em uma ameaça real no mundo inteiro. Veremos loucas armas nucleares em toda nossa região e achamos que devemos parar os iranianos", enfatizou Lieberman.

O alto representante da União Europeia para Política Externa e de Segurança Comum, Javier Solana, anunciou hoje uma visita ao Oriente Médio para impulsionar o início de conversas de paz entre israelenses e palestinos.

O enviado especial dos Estados Unidos para o Oriente Médio, George Mitchell, expressou também hoje sua esperança de que o diálogo comece.

Lieberman termina amanhã sua viagem ao Peru, e partirá para a Colômbia, última etapa de sua passagem pela América do Sul, que o levou também a Brasil e Argentina. EFE watt/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG