desmobilizem - Mundo - iG" /

Chanceler de Zelaya pede que hondurenhos que não se desmobilizem

Manágua, 29 jun (EFE).- Patricia Rodas, chanceler do destituído presidente de Honduras Manuel Zelaya, pediu hoje a seus compatriotas que não se desmobilizem e assegurou que o Governo continua em pleno gozo de seu poder.

EFE |

"A todo nosso povo, em todos os cantos do país, dizemos que não podemos desmobilizar-nos, estamos frente a uma nova situação, que já acreditávamos estar superada. Se implantou em nosso país uma situação criminosa que não pode ser legalizada pelos setores mais obscuros da política em Honduras", disse Rodas.

A chanceler chegou hoje a Manágua, acompanhada pelo presidente do México, Felipe Calderón, para participar da reunião dos presidentes do Sistema de Integração Centro-Americana (Sica), para apoiar o governante Manuel Zelaya, destituído neste domingo pelo Congresso hondurenho.

Roberto Micheletti, nomeado presidente de Honduras pelo Congresso e não reconhecido por outros países, já nomeou Enrique Ortez, como novo ministro das Relações Exteriores.

O presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, em declarações feitas no domingo em Manágua, denunciou que Rodas estava desaparecida desde a destituição de Zelaya, que foi obrigado a abandonar o país.

Posteriormente, foi divulgado que Rodas tinha viajado para o México, de onde foi hoje para Manágua.

Zelaya, que foi expulso de seu país pelos militares para Costa Rica, se encontra em Manágua para participar da reunião do Sica. EFE fm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG