Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Chanceler colombiano inicia visita à França para promover relações

Paris, 28 jul (EFE).- O novo ministro das Relações Exteriores colombiano, Jaime Bermúdez, iniciou hoje uma visita de 48 horas à França na qual tentará reduzir as tensões surgidas com Paris após a libertação de Ingrid Betancourt, em 2 de julho.

EFE |

Esta é a primeira viagem ao exterior de Bermúdez desde que foi nomeado chanceler, na semana passada.

A visita segue ao anúncio de Bogotá de que já não deseja a mediação de França, Espanha e Suíça para procurar um acordo com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), ao não confiar nos emissários suíço, Jean-Pierre Gontard, e francês, Noël Sáez, por sua suposta proximidade com os rebeldes.

O anúncio foi feito depois que Betancourt foi resgatada junto com outros 14 reféns em uma operação militar das Forças Armadas colombianas da qual França se inteirou 15 minutos antes de que fosse divulgada à imprensa.

Bermúdez se reunirá amanhã com seu colega Bernard Kouchner, que mostrou irritação recentemente com as acusações da Promotoria de Bogotá contra Gontard de que teria manipulado US$ 500 mil das Farc na Costa Rica em 2003.

No entanto, o Ministério de Assuntos Exteriores francês qualificou as relações bilaterais de excelentes.

A visita tem um alto conteúdo econômico, como demonstra que Bermúdez viaje acompanhado do ministro do Comércio, Indústria e Turismo, Luis Guillermo Plata, e que amanhã figure na agenda uma reunião com a ministra da Economia francesa, Christine Lagarde.

Bermúdez disse que quer desenvolver as relações econômicas com a União Européia (UE), cuja Presidência semestral é ocupada pela França. EFE ik/db

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG