Chade ameaça romper relações diplomáticas com Sudão

O presidente do Chade, Idriss Deby Itno, afirmou na noite deste sábado, num momento em que seu país está enfrentando uma ofensiva rebelde procedente do Sudão, que seu país está pensando em romper as relações diplomáticas com Cartum e retirar sua confiança à União Africana.

AFP |

"O governo deve reavaliar as relações entre o Sudão e o Chade, e pode até romper estas relações se a situação não evoluir positivamente", avisou o dirigente chadiano em discurso pronunciado no palácio presidencial de N'Djamena.

"O Centro Cultural sudanês será fechado, e as escolas financiadas pelo Sudão serão recuperadas pelo governo chadiano", anunciou Deby.

O presidente do Chade também criticou duramente a União Africana.

Violentos combates entre as forças armadas e rebeldes chadianos procedentes do Sudão deixaram quase 250 mortos desde quinta-feira no leste do Chade. A situação parecia mais calma neste sábado, com o governo afirmando ter conquistado uma "vitória decisiva" sobre os insurgentes.

mzd/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG