Cérebro gera novos neurônios para controle do cheiro e do movimento

(Embargada até 14h de Brasília) Londres, 31 ago (EFE).- O cérebro adulto gera novos neurônios para substituir as células nervosas do bulbo olfatório, que controla o olfato, e do hipocampo, que contribui para a aprendizagem espacial e a memória.

EFE |

Em artigo publicado hoje pela revista científica britânica "Nature Neuroscience", pesquisadores da Universidade de Kioto (Japão) explicam que essas duas áreas precisam de um fluxo contínuo de novos neurônios para manutenção.

Os especialistas sabem há alguns anos que o cérebro adulto perde gradualmente células nervosas e que é capaz de gerar outras novas, em um processo denominado neurogênese.

No entanto, era desconhecido se esses novos neurônios desempenhavam um papel importante.

Agora, a equipe dirigida por Ryoichiro Kageyama identificou as áreas do cérebro que se nutrem das novas células nervosas.

Para isso, modificou geneticamente ratos de laboratório para que sintetizassem uma proteína fluorescente nas novas células nervosas produzidas no cérebro e contou o número de neurônios fluorescentes originadas em um ano.

Nesse tempo, quase todos os neurônios de uma camada do bulbo olfatório foram substituídas por outras novas, enquanto, no hipocampo, a substituição neuronal foi de 15%.

Então, os autores do estudo investigaram se a interrupção da neurogênese interfere no olfato e na aprendizagem.

Sem novos neurônios disponíveis, os bulbos olfatórios diminuíram, mas o sentido do olfato dos ratos permaneceu inalterado durante quatro meses.

No entanto, os animais esqueceram como se movimentar por um determinado labirinto. EFE vmg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG