Cerca de 40 mil famílias deslocadas voltam para casa no Paquistão

Nova Délhi, 19 jul (EFE).- Aproximadamente 40 mil famílias de deslocados pela ofensiva militar contra os talibãs no norte do Paquistão já voltaram para casa, informou hoje uma fonte oficial.

EFE |

O chefe do Grupo Especial de Apoio ao Realojamento de Deslocados, general Nadeem Ahmed, disse que, só neste domingo, 659 pessoas embarcaram em vários ônibus e deixaram um dos campos de deslocados em direção a suas casas no Vale do Swat, segundo a agência estatal "APP".

O Governo, acrescentou a fonte, está tomando todas as medidas ao seu alcance para um retorno "seguro e digno" dos deslocados.

As autoridades paquistanesas calcularam em pouco mais de 1,9 milhão o número de pessoas que foram obrigadas a abandonar suas casas por causa do conflito com os talibãs.

Nos últimos meses, os confrontos entre os militares e rebeldes se concentraram no Vale do Swat e nos distritos vizinhos da região de Malakand.

Aproximadamente 1.600 fundamentalistas e 160 soldados morreram nessa ofensiva desde o fim de abril, segundo cálculos militares.

De acordo com um comunicado divulgado hoje pelo Exército paquistanês, nas últimas 24 horas mais três "terroristas" foram mortos e um quarto foi detido durante uma troca de tiros no Vale do Swat. EFE ja/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG