Cerca de 13.000 bebês foram internados nos hospitais chineses depois de terem ficado doentes devido à ingestão de leite em pó adulterado, indicou neste domingo o Ministério chinês da Saúde, segundo a imprensa oficial.

O ministro disse à imprensa que o número total de bebês que deram entrada nos hospitais depois de beber o leite envenenado é até agora de 12.892, acrescentou a agência Xinhua.

Segundo dados oficiais, quatro bebês morreram depois de terem consumido leite em pó contaminado com melamina, uma substância química industrializada adicionada no leite para que parecesse ter mais proteínas, em um dos maiores escândalos sanitários a afetar a indústria alimentícia da China.

Em 104 casos os bebês apresentaram sintomas graves, disse o ministro, e em 1.579 as crianças foram curadas e deixaram o hopsital, acrescentou Xinhua.

bur-dan/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.