Cerca de 100 insurgentes mortos em operação do Exército no sul do Afeganistão

Cerca de 100 insurgentes morreram em dois dias em uma operação do Exército afegão em Kandahar, sul do país, afirmou neste sábado um general afegão que elevou o registro anterior de 56 mortos divulgado quinta-feira.

AFP |

Centenas de soldados e policiais afegãos, apoiados pela Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) ligada à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), lançaram na quarta e na quinta-feira uma operação de "limpeza" dos talibãs mobilizados no distrito de Arghandab, a menos de 20 km de Kandahar, maior cidade do sul do país.

"As baixas inimigas foram muito elevadas. Os corpos de 94 inimigos foram encontrados no local", afirmou o general Sher Mohammad Karimi, chefe de operações do Exército afegão durante uma entrevista coletiva à imprensa.

"Cerca de 30 pessoas foram detidas, oito delas com armas nas mãos, que confessaram ter fugido da prisão de Kandahar", acrescentou.

No dia 13 de junho, um comando talibã atacou a prisão de Sarposa, em Kandahar e libertou entre 900 e 1.100 presos, entre estes 400 supostos talibãs.

As operações de busca continuam no distrito, segundo o militar.

A província de Kandahar, feudo dos talibãs, continua sendo seu principal baluarte.

sak/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG