Centro judaico critica Áustria e Hungria por não processarem nazistas

Belgrado, 15 set (EFE) - O diretor do Centro Simon Wiesenthal, Efraim Zuroff, acusou hoje a Áustria e a Hungria de falta de vontade política para levar perante a Justiça alguns responsáveis por crimes de guerra do nazismo. As autoridades austríacas mostram falta de determinação de extraditar (Milivoj) Asner à Sérvia, afirmou hoje Zuroff em Belgrado, segundo informou a agência local Tanjug. A falta de vontade política também se vê no caso da Hungria em relação ao processo por crimes cometidos por (Sandor) Kepiro, acrescentou o diretor do Centro Wiesenthal de Jerusalém. Ele lembrou que tanto Asner quanto Kepiro são suspeitos de estar envolvidos na morte de dezenas de milhares de judeus, sérvios e ciganos. Asner, de 95 anos, era chefe da Polícia da cidade de Pozega do regime ustashi da Croácia, colaborador do regime nazista de Adolf Hitler. Atualmente, ele mora na Áustria.

EFE |

As autoridades austríacas asseguram que Asner tem demência senil e não está em condições de ir a julgamento, embora recentemente, por ocasião da Eurocopa, em junho, ele tenha sido visto em cafeterias e inclusive deu entrevistas à imprensa.

Kepiro, de 93 anos, é acusado de ter colaborado com os nazistas em massacres e deportações a campos de extermínio de judeus, sérvios e ciganos na zona sérvia de Voivodina.

A Sérvia também reivindica a extradição e realiza investigações por crimes de guerra durante o nazismo de Peter Egner, que vive nos Estados Unidos, mas estão em curso as negociações para que possa ser julgado na Sérvia.

Zuroff declarou hoje em Belgardo que há centenas de nazistas que ainda estão vivos e que cometeram crimes de guerra. Ele também disse que estão sendo feitas investigações contra dez pessoas.

O diretor do Centro Simon Wiesenthal se reuniu em Belgrado com a ministra de Justiça sérvia, Snezana Malovic, e o promotor de crimes de guerra, Vladimir Vukcevic, assim como com representantes da comunidade judaica. EFE sn/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG