Celebrações de ano-novo causam 90 incêndios em Lima

Segundo os bombeiros, 80% dos incidentes aconteceram por conta dos fogos de artifício. Não houve feridos

EFE |

As celebrações de ano-novo em Lima, no Peru, registraram cerca de 90 incêndios, a maioria ocasionada por fogos de artifício, embora não tenham causado mortes ou ferimentos graves, informou neste sábado o Corpo Geral de Bombeiros do Peru.

Os fogos de artifícios, que iluminaram o céu da capital peruana durante horas foram os responsáveis por 80% dos incidentes registrados, segundo depoimento do diretor de Comunicação dos bombeiros, Mario Casaretto à agência estatal "Andina".

Além disso, ele acrescentou que o maior acidente foi num depósito de material reciclado. No entanto, o porta-voz dos bombeiros afirmou que em comparação com o ano passado, os incidentes caíram 30%. O corpo de bombeiros também atendeu oito vazamentos de gás, 147 emergências médicas e 21 acidentes na noite de sexta-feira.

    Leia tudo sobre: perufogos de artifícioano-novo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG