CE proibirá importar da China alimentos para crianças que contenham leite

Bruxelas, 25 set (EFE).- A Comissão Européia (CE, órgão executivo da União Européia) proibirá as importações da China de qualquer tipo de alimentos para crianças ou bebês que contenham leite, a fim de evitar os riscos de contaminação por melamina, informou hoje a porta-voz de Saúde européia, Nina Papadoulaki.

EFE |

A CE reage assim a um relatório da Autoridade Européia de Segurança Alimentar (Aesa), que alerta do perigo de intoxicação que as crianças na UE poderiam ter devido ao consumo de doces ou biscoitos com restos de leite contaminado com melamina, substância que provocou várias mortes na China.

Atualmente, a UE proíbe a entrada de laticínios no mercado europeu procedentes da China, mas são importados produtos de confeitaria, como biscoitos e balas, que contêm leite em pó de origem chinesa. EFE ms/cm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG