Bruxelas, 14 nov (EFE).- O comissário europeu de Desenvolvimento e Ajuda Humanitária, Louis Michel, pediu hoje aos líderes do Grupo dos Vinte (G20, que reúne os países mais ricos e os principais emergentes) reunidos em Washington para debater o futuro do sistema financeiro internacional que não se esqueçam de incluir um espaço para o desenvolvimento na nova estrutura que concretizem.

"A pobreza é a crise mais urgente no mundo", afirmou Michel em comunicado por ocasião das Jornadas Européias do Desenvolvimento, que começam amanhã em Estrasburgo.

Por isso, se mostrou convencido de que a reunião de Washington oferece uma "oportunidade crucial para integrar a dimensão do desenvolvimento na nova arquitetura financeira internacional". EFE rja/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.